Ocorrerá no próximo final de  semana, dias 08 e 09 de novembro (sábado e domingo), as provas do Exame Nacional do Ensino Médio/ ENEM 2014.

Atualmente, o exame está sendo utilizado como uma das partes do processo de seleção de várias instituições de ensino superior, tanto públicas quanto privadas. Além disso, a nota final do Enem está sendo utilizada como um dos critérios para a disponibilização de bolsas do Programa Universidade para todos (PROUNI).

Os cursinhos preparatórios em todo o país estão a todo vapor para realizar uma boa preparação de seus alunos candidatos ao exame. Alguns temas atuais têm se destacado bastante e possuem grande probabilidade de serem cobrados no ENEM 2014, são eles:

A falta de água e a crise no sistema hídrico

O paradoxo ocorrido no país com a escassez de água no estado de São Paulo e várias enchentes em outras localidades da região sudeste;

– Os decorridos cinquenta anos do golpe militar de 1964

Esse acontecimento político foi extremamente relevante para o país, que resultou em um governo de regime militar do ano de 1964 até o ano de 1985;

– A disponibilização da vacina contra o vírus "Human Papiloma Vírus", popularmente conhecido como HPV

O Governo Federal passou a disponibilizar gratuitamente vacinas para meninas na faixa de 11 a 13 anos de idade contra o vírus HPV;

– A crise do setor energético

Em janeiro do ano corrente foram registrados os dez maiores picos de consumo de energia elétrica da historia brasileira. Além disso, o tema engloba uma mistura das matérias de física, química e biologia;

– A maioridade penal com 16 anos

No ano de 2014 voltou a ser discutida no congresso nacional a mudança no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), sobre a questão da redução da maioridade penal, que atualmente é atingida aos 18 anos para 16 anos de idade.

Por Maicon Douglas Rodrigues Arthuso


As inscrições para o Enem – Exame Nacional do Ensino Médio – terminaram na sexta feira, dia 23 de maio, e segundo os dados INEP – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, o número de candidatos foi superior a edição do ano passado.

Nesta edição, 9.519.827 alunos se inscreveram, sendo este o maior número de inscritos desde sua criação. Segundo o INEP, as provas serão aplicadas nos dias 8 e 9 de novembro.

Alguns candidatos deverão efetuar o pagamento da taxa inscrição, no valor de R$ 35 até o dia 28 de maio e estão isentos do pagamento os estudantes de escolas públicas e os candidatos que declararam renda de até 1,5 salário mínimo por pessoa.

O INEP divulgou ainda que São Paulo foi o estado com mais inscritos, com um total de 1.476.041, logo em seguida vem Minas Gerais com 1.057.521, seguido de Bahia, com 707.835, Rio de Janeiro com 691.789 e Ceará com 596.568, estado em que houve mais inscritos em relação ao número de habitantes.

Vale ressaltar que ainda há um bom tempo até as provas e, assim, os candidatos poderão se preparar melhor para conseguir uma boa pontuação. Com a nota do Enem, os candidatos podem participar do ProUni – Programa Universidade para Todos, em que são oferecidas bolsas de estudo aos estudantes.

Além do Sisu, que oferece vagas nas universidades e demais instituições públicas, e o Sisutec, em que os candidatos podem ingressar gratuitamente em cursos técnicos. Sem contar que a nota do Enem vale como certificação para a conclusão do ensino médio.

Há outras novidades para esta edição do exame: duas instituições de ensino superior de Portugal também irão usar a nota do Enem para o ingresso. Os candidatos podem inclusive usar as notas dos anos de 2012 e 2013 para ingressar na Universidade de Coimbra e Universidade da Beira Interior, ambas instituições portuguesas. 

Por Robson Quirino de Moraes


O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é uma das avaliações que os estudantes fazem e tem a oportunidade de ingressar na faculdade. As provas já estão marcadas e ocorrerão nos dias 8 e 9 de novembro. Todavia, os candidatos que irão participar do exame precisam ficar atentos para não perderem o prazo das inscrições, uma vez que se inicia no dia 12 de maio e encerrará na data provável de 26 de maio, conforme horário oficial de Brasília/DF.

Entretanto, antes de iniciar a inscrição, é importante que o candidato leia todo o edital que estabelece regras e prazos, e detalha os passos que precisam ser seguidos em cada um dos procedimentos, a partir das inscrições até o resultado final. Sendo assim, o estudante precisa efetuar a inscrição através da internet, pela página oficial do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira). O site ficará disponível durante todo o prazo de inscrição.

Para conseguir efetuá-la o candidato precisa informar o número do Cadastro de Pessoa Física (CPF), bem como o documento de identidade (RG). Quem ainda não os possui precisa providenciá-los com urgência e, além disso, informar o endereço de e-mail válido; indicar eventual necessidade de atendimento especial durante as provas. Indicar também o possível objetivo de se obter o certificado do ensino médio com a nota do Enem 2014; caso não possua condições financeiras de pagar a taxa de inscrição, deverá preencher a declaração de carência a fim de conseguir isenção da taxa de inscrição. Essa hipótese é reservada para aquelas pessoas de baixa renda.

Por fim, preencher o questionário socioeconômico e escolher o município de preferência de realização da prova. Os concluintes do ensino médio da rede pública ou os bolsistas integrais de escolas particulares estão isentos automaticamente dessa taxa.

A concorrência no exame está cada vez mais acirrada e, como faltam seis meses para a prova, é muito importante que o candidato inicie a preparação o quanto antes. 

Por Luciana Viturino





CONTINUE NAVEGANDO: