Vestibular de Verão UFT 2019 – Inscrições

  

  

Inscrições se encerram no dia 25 de outubro de 2018.

O segundo semestre de 2018 avança em meses e as universidades de todo o Brasil estão de portas abertas para todos os estudantes prestes a se prepararem para ingressar em faculdades.

Assim, a Universidade Federal do Tocantins, ou UFT, fez divulgar, recentemente, o novo Edital do Vestibular de 2019, o qual abre uma oferta de em torno de 943 vagas para todos os seus 50 cursos disponíveis. Este vestibular da UFT estava em suspensão desde o ano de 2015, período em que havia sido substituído integralmente pelo chamado Sistema de Seleção Unificada, o SiSU.


O período de inscrições permanecerá em aberto entre os dias 26 do mês de setembro e o dia 25 do mês de outubro de 2018. O valor da taxa está estipulado em 120 reais. A política de isenção sobre o valor da inscrição será efetuada entre os dias 17 e 24 do mês de setembro 2018, e todos os jovens candidatos que comprovem baixa renda em família terão e poderão solicitar a medida de isenção desta mesma taxa.

A Universidade Federal do Tocantins, portanto, está abrindo quase mil vagas para o edital do Vestibular de 2019. Esta universidade está voltando a ministrar as provas, como já foi citado, depois de três anos seguidos, embora metade das vagas continue sendo preenchida por meio do SiSU, seu anterior substituto.

Este processo seletivo está agendado para realização em uma etapa única, consistindo na aplicação das provas no dia 9 do mês de dezembro de 2018. Todos os estudantes candidatos responderão a um caderno composto de 72 questões objetivas, versando sobre as disciplinas de ensino médio e deverão elaborar e escrever uma redação (prova discursiva).

  

Sobre as vagas as informações são as seguintes:

São em torno de 943 cadeiras que representam a metade deste total destinado ao certame de 2019. A outra metade de vagas será mantida como ofertas do SiSU, o qual avaliará os estudantes por meio do desempenho no Enem de 2018.

Neste mesmo vestibular, todos os candidatos serão conduzidos a optarem por apenas uma das três modalidades abertas de concorrência:

As chamadas cotas para escola pública; a ação afirmativa promovida pela UFT e a ampla concorrência existente. Todas as vagas disponíveis serão destinadas aos cursos nos municípios de Araguaína; de Arraias; de Gurupi; de Miracema; de Palmas; de Porto Nacional e de Tocantinópolis.

A Universidade Federal do Tocantins, UFT, consiste em uma instituição de ensino superior de caráter público e federal, brasileira, a qual tem a sua sede, ou Reitoria, oficial estabelecida na cidade de Palmas, a capital do estado do Tocantins. Está situada na chamada região da Amazônia Legal. Portanto, a UFT possui um campus central em Palmas e os demais instalados em seis municípios tocantinenses: ou seja, os já citados municípios de Araguaína, de Arraias, de Gurupi, de Miracema do Tocantins, de Porto Nacional e de Tocantinópolis.

Além dos cursos tradicionais, a UFT ainda oferece mais outros 50 cursos presenciais de graduação, abrangendo as licenciaturas; os bacharelados e os tecnológicos. São cinco cursos a distância, no programa de EaD e ainda conta com cursos na modalidade dita semipresencial, destinada à formação de professores, o Parfor, junto aos Programas de Pós-Graduação de caráter stricto sensu, que dispõe de 31 cursos de mestrado, distribuídos em 19 acadêmicos e 12 profissionais; possui mais seis cursos de doutorado, entre diversas alternativas de realização de pós-graduação lato sensu, incluindo as especializações e os MBAs.

Vale a pena conferir.

Paulo Henrique dos Santos

Compartilhar:

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *