Inscrições FIES do Segundo Semestre 2018



  

Interessados podem se inscrever até o dia 16 de julho de 2018.

O chamado Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior, ou FIES, consiste em um programa criado pelo Ministério da Educação do Brasil cujo escopo fundamental está em auxiliar o financiamento da graduação na educação superior de centenas estudantes matriculados nas instituições universitárias particulares. Deste modo, estão aptos a recorrer ao financiamento todos os estudantes já matriculados em cursos superiores, que possuam avaliação positiva nos processos conduzidos pelo próprio Ministério da Educação.

A importância do Fies é reconhecida em todo o país, devido à grande oportunidade que abre a uma parcela significativa dos estudantes brasileiros.

Portanto, todo candidato que deseja participar deste processo seletivo terá o dever de atender aos pré-requisitos abaixo relacionados:

1 – Não ter concluído o curso superior;

2 – Possuir uma renda familiar mensal bruta, por membro, que atinja até três salários mínimos;

3 – Que tenha participado de alguma das edições do Enem a partir do ano de 2010;

4 – Que tenha obtido, no mínimo, 450 pontos dentro da média das provas e uma nota acima de zero na prova de redação.





Assim, a edição exclusiva, neste segundo semestre de 2018, do Fundo de Financiamento Estudantil, o Fies, tem por meta a abertura do período de inscrições a partir do dia 16 do mês de julho. Em conformidade com dados angariados do próprio órgão do Ministério da Educação, este prazo estipulado para cadastrar a participação está programado para finalizar até uma semana após sua abertura oficial, ou seja, no dia 22 de julho de 2018.

O total de oportunidades, nesse ano, pode chegar a cerca de 150 mil novas vagas para estudantes, as quais deverão ser oferecidas em breve. Existe uma grande expectativa que o número chegue até ao cômputo de 310 mil novos contratos, programados para o devido fechamento em 2018.

Entre muitas das informações que já foram anteriormente divulgadas, a respeito do programa Fies deste segundo semestre de 2018, está o importante dado sobre o retorno possível de limite máximo dos valores de todas as mensalidades cobertas por meio do fundo promovido pelo Ministério da Educação. O mesmo será destinado a retornar aos cursos cujas mensalidades cheguem a um valor de até 7 mil reais, ou ao montante de até 42 mil a cada semestre.

Com relação à aplicação do Fies no primeiro semestre deste ano, o limite de valor estava estipulado em até 30 mil reais, o que configura uma situação que permitiu somente a aderência de alguns cursos, cujo valor da mensalidade chegasse até a 5 mil reais, ou seja, apenas cursos desse porte poderiam ser incluídos na participação do financiamento.

Este detalhe do programa do Fies é conhecido como o teto da semestralidade, ou seja, aquele tipo de limite estabelecido em um valor máximo de até 42 mil reais, que já estava em uso no modelo anterior de realização do Fies. Entretanto, este mesmo valor terminou por ser reduzido quando houve o lançamento do Novo Programa Fies, já que existe uma questão que, segundo o mesmo, justifica o termo que indica a "sustentabilidade" deste programa.

Este recurso com que muitos estudantes brasileiros podem contar constitui um imprescindível auxílio na continuidade dos cursos universitários, facilitando o pagamento, que poderá ser realizado após a graduação, em parcelas suavizadas, ou seja, o estudante poderá negociar o melhor meio de amortizar as parcelas, de acordo com o contrato.

O programa Fies sempre é operacionalizado por meio da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil. Todos os procedimentos desse processo seletivo, desde a adesão das instituições de ensino, da inscrição dos estudantes até a divulgação dos resultados e entrevistas, são sempre realizadas por meio da Internet.

Paulo Henrique dos Santos



Compartilhar:

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *