Resultado do ProUni 2018-2 – Aprovados em 1ª Chamada



  

Confira aqui mais detalhes sobre a primeira chamada do Prouni 2018-2.

Para aqueles que prestaram o ProUni, o Programa Universidade para Todos, já é possível acessar o resultado. As pessoas que foram aprovadas na primeira chamada poderão ir até a instituição que oferta o curso desejado para comprovar as informações, o prazo para realizar a inscrição é até o dia 10 de julho.

Fui aprovado, e agora?

Para saber se você foi aprovado na primeira chamada, é necessário acessar esse link. Os estudantes que forem aprovados na primeira seleção do Programa Universidade para Todos deverão se dirigir até a faculdade que oferta o curso.

É importante ter em mãos todos os documentos que estão listados aqui, mas não é só isso, o estudante deverá consultar a página da faculdade em questão para saber se tem necessidade de levar alguma documentação especifica.

Se o seu nome não estiver na lista, não se desespere. Para o dia 10 de julho está programada uma nova chamada, onde os estudantes deverão realizar a matricula entre os dias 16 e 23 de julho. Se você possui alguma dúvida sobre a seleção, poderá consultar o Edital do ProUni 2018/2.

Para o ProUni desse ano, foram disponibilizadas 174.289 bolsas, entre elas 68.884 são integrais e 105.405 são parciais. Essas bolsas estão divididas entre 1.460 instituições de nível superior em todo o Brasil. Esses números são bem satisfatórios, já que no ano passado o ProUni ofertou somente 147.492 bolsas, ou seja, na edição desse ano foram ofertas quase 30 mil bolsas a mais quando comparado com a edição anterior.

Assim como em um processo de vestibular normal é reservado uma certa quantidade de vagas para as cotas, que atendem as pessoas autodeclaradas como pretos, pardos e indígenas.





Caso você ainda tenha alguma dúvida, além da página do edital, é possível tirar sua dúvidas nesse link. Aqui tem as respostas simplificadas sobre as principais dúvidas dos estudantes.

Saiba quem pode se inscrever no ProUni 2018/2

Os estudantes que tiveram o direito de se inscrever para concorrer as bolsas do ProUni 2018/2 foram aqueles que realizaram as provas do Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem, no ano de 2017. Para ter o direito de realizar a prova do ProUni o estudante deve ter tirado uma nota superior a 450 pontos no Enem, e não pode ter zerado em redação.

Mas não é só isso, para que o estudante tenha o direito de participar do Programa Universidade para Todos é preciso também atender todos as seguintes condições:

  • Ser professor da rede pública de ensino, no exercício do magistério da educação básica e integrando o quadro de pessoal permanente de instituições públicas;
  • Ter cursado o ensino médio completo em escola da rede pública;
  • Ser pessoa com deficiência;
  • Ter cursado o ensino médio completo em instituição privada na condição de bolsista integral;
  • Ter cursado o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em instituição privada na condição de bolsista integral.

Além da nota obtida no exame, a renda mensal bruta da família também conta no momento da definição da bolsa integral ou parcial. Para aqueles que desejam concorrer a bolsa integral a renda familiar mensal bruta não pode ultrapassar 1,5 salário mínimo, valor que hoje em dia corresponde a R$ 1.431,00 por pessoa. Agora as famílias que recebem uma renda familiar bruta de até 3 salários mínimos por pessoa, R$ 2.862,00, podem concorrer a bolsa parcial. Os únicos participantes que não precisam comprovar renda são os professores.

Saiba o que é o ProUni

O ProUni é um programa do governo que utiliza as notas do Enem para disponibilizar aos estudantes de escolas públicas e aos bolsistas de colégios particulares, bolsas de estudo em cursos de graduação em faculdades privadas. É possível que o estudante realize o curso desejado totalmente de graça ou então com desconto de 50% no valor total.

Caso você queira saber um pouco mais sobre esse projeto do governo, você pode ir diretamente ao site do ProUni e ficar por dentro de todos os detalhes.

Isabela Pierini dos Santos



Compartilhar:

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *