Como Escolher o Curso no Vestibular

Como Escolher o Curso no Vestibular




Confira aqui algumas dicas para ajudar na escolha do curso no vestibular.

Escolher o curso para prestar vestibular é sempre um momento de indecisão para os jovens. Afinal, enquanto alguns já sabem desde cedo qual carreira desejam construir, a maioria deles ainda tem dúvidas sobre qual direção seguir. Esse é o seu caso? Para tornar esse processo mais simples, você pode adotar alguns métodos que lhe ajudem a chegar à melhor decisão.

Para evitar o estresse e até mesmo uma possível desistência na faculdade depois de já estar cursando a graduação, você pode fazer desde um teste vocacional até conversar com quem já atua na área. Confira abaixo, o que você deve levar em consideração para escolher a sua profissão!


1. Faça um teste vocacional

Para quem não tem nenhuma noção de qual profissão se enquadra melhor ao seu perfil, o primeiro passo é fazer um teste vocacional, que é composto por diversas perguntas objetivas, cuja finalidade é apontar quais áreas estão de acordo com as suas habilidades e preferências.

O teste vocacional pode ser feito rapidamente na internet e para acabar de vez com as suas dúvidas, você pode fazer testes em diferentes formatos. Assim, é possível ter mais precisão na escolha do ramo profissional.

2. Pesquise sobre o mercado de trabalho para os cursos do seu interesse

Depois de descobrir quais são as áreas com as quais você mais se identifica, o ideal é fazer uma pesquisa sobre o mercado de trabalho para esses cursos. Com isso, o estudante pode verificar a atuação e aplicabilidade da atividade na prática.


Procure saber o que de fato o profissional desse setor faz, onde estão as melhores vagas, qual é a média salarial para iniciantes e para quem já tem estabilidade na carreira, a carga horária a ser cumprida, bem como as possibilidades para atuar nesse campo.

3. Converse com profissionais da área

Conhecer a atividade do seu interesse na prática é uma excelente alternativa para decidir se é isso que você realmente quer para a sua carreira. Portanto, converse com profissionais que já estão atuando na área e tente tirar o máximo de dúvidas possíveis.

4. Estude os gastos do curso

O vestibulando também deve se preocupar com os valores que terá que desembolsar para fazer o curso. O primeiro passo é pesquisar quais são as instituições de ensino públicas que oferecem a graduação do seu interesse. Se o curso é ofertado em outra cidade, você terá que se mudar ou se deslocar diariamente para estudar, o que gera custos a serem considerados.

Já, se você vai prestar vestibular em uma universidade privada, é preciso levar em conta o valor da mensalidade, os gastos com a aquisição dos materiais exigidos para as disciplinas, transporte, entre outros.

5. Converse com a sua família

Os seus pais sempre manifestaram o desejo de que você seguisse a mesma carreira que eles, mas você prefere outra área? Nesse caso, nada melhor do que ter uma conversa franca com a sua família para explicar quais são as razões que estão te levando a tomar essa decisão.

Apostar em uma área que você não gosta apenas para agradar os seus pais, além de dificultar o seu processo de aprendizagem na faculdade, também pode contribuir para que você seja um profissional infeliz.

6. Analise a qualidade do curso

Se você já tem uma ideia do que quer cursar, o passo seguinte é buscar informações sobre a qualidade do curso na instituição em que você está de olho. É preciso analisar o corpo docente da universidade, se ela oferece programas de pesquisas, pós-graduação, entre outros benefícios que possam fortalecer o seu currículo para conquistar as melhores oportunidades no mercado de trabalho.

Texto por Simone Leal



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *