Melhores Cursos de Economia em 2016

Melhores Cursos de Economia em 2016



  

USP, FGV, PUC-RJ e UFRJ estão entre as instituições com os melhores Cursos de Economia do Mundo.

Geralmente quando se fala em Cursos de Economia estes são liderados pelos cursos de instituições estadunidenses. Pelo menos sete dos 20 cursos mais bem avaliados pelo ranking da Quacquarelli Symonds, são cursos estadunidenses. O curso mais bem colocado é o do MIT, que se trata do maior instituto de tecnologia do mundo, localizado em Massachusetts.

Com relação ao Brasil, os únicos cursos que aparecem na lista são o da Universidade de São Paulo (USP). Este ficou na 51º posição. Em 100º posição, temos o Curso de Economia da Fundação Getúlio Vargas (a famosa FGV) e mais pra frente temos o Curso de Economia da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ) e o Curso da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Portanto, quatro cursos brasileiros aparecem na lista dos melhores cursos de economia do mundo, não entre os 50 primeiros, mas mesmo assim, aparecem.

Para a montagem do ranking, a Quacquarelli Symonds levou em consideração os seguintes critérios:

  • Entrevista: A QS entrevistou para este ranking 76 mil acadêmicos espalhados por todo o mundo e também mais de 44 mil técnicos e empregados de universidades de todo o globo.
  • Análise da Instituição: Foram avaliadas questões acerca da infraestrutura e a reputação acadêmica dos cursos. Número de publicações em revistas e periódicos conceituados; o valor que tais cursos obtêm no mercado de trabalho e os impactos teóricos e científicos que tais produções exercem, tanto na instituição como no mercado de trabalho.




Os cursos de economia são importantes meios para o desenvolvimento social, não só ao que se refere a produção de táticas e estratégias de circulação e investimento, mas também em criar diferentes soluções e abordagens as crises e problemas que o sistema financeiro pode vir a enfrentar.

Existe diversas oportunidades para os estudantes de Ciências Econômicas (ou Economia). Você pode conseguir um emprego na área financeira, comercial ou industrial. Pode conseguir um emprego em bancos, em grandes empresas multinacionais ou trabalhar como um agente financeiro. Grandes oportunidades é que não faltam e é claro que um curso em uma grande universidade fará toda a diferença.

Felipe Pancheri Colpani



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *