FIES – Universidades podem Reduzir o Número de Alunos Atendidos pelo Programa



  

Segundo divulgado pelas universidades particulares por meio da Fenep (Federação Nacional das Escolas Particulares), a falta de pagamentos do Governo Federal para o programa do FIES chega a R$500 milhões.

O Governo nega que o valor seja tão alto, mas admite que possa estar ocorrendo eventuais atrasos, o que em parte estaria sendo causado pela demora das próprias universidades em repassar dados dos alunos para o MEC, órgão do Governo Federal responsável pelos pagamentos.

As universidades afirmam que a conta se arrasta desde 2010, e que nesse ritmo medidas poderão ser tomadas já a partir do próximo ano, como a redução do número de alunos atendidos pelo programa.





O FIES (Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior) é um programa de financiamento estudantil do Governo Federal que custeia, parcial ou integralmente, a mensalidade que deveria ser paga mensalmente pelo aluno à instituição de ensino. Após a formatura, o aluno começa a pagar uma prestação para o Governo, de forma a restituir o valor financiado por este, acrescido de juros e eventuais taxas definidas no contrato.

O FIES era um programa gerido pela Caixa Econômica Federal até 2010, mas passou para o MEC nesse mesmo ano, em função de mudanças como a ampliação da verba disponível. Hoje estima-se que mais de 300 mil alunos de universidades de todo o Brasil utilizem o FIES.

Por Luiz Moreira



Compartilhar:

1 comentário em “FIES – Universidades podem Reduzir o Número de Alunos Atendidos pelo Programa

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *